segunda-feira, 21 de março de 2011

Pusinko e o irmão

Já falei dele e resumi aqui.

Temos tanto em comum que espanta meio mundo.
Depois, somos tão diferentes que, às vezes, só nós damos conta.

Uma diferença abismal diz respeito à organização.
Eu tenho um sistema de organização artístico, também chamado de (Des)organizado Crónico. O irmão não. Ele consegue achar as coisas que procura quando precisa. E guarda a arte para outros momentos. (lembrei-me das placas de cortiça na parede dos nossos quartos e da forma genial como dispomos as cenas que nos são especiais e são a prova viva do que escrevi antes).

E no fim de escrever reparei que já reflecti aqui sobre isso. Deve ser 1 sinal para eu reflectir ainda mais e fazer algo a respeito.

4 comentários:

pink poison disse...

Tenho pena de ser filha única

Pusinko disse...

Pink, eu não sei imaginar como seria para mim essa situação.
Mas há sempre aqueles amigos que consideramos irmãos e esses resolvem muita coisa nesse sentido. Mas não substitui...

Beijinho :)

A Minha Essência disse...

Quando os laços são verdadeiros, sabe bem reviver... sabe bem manter... sabe bem ter.

Kiss ;)

Pusinko disse...

A Minha Essência: Pois sabe. Sabe bem serem assim. E saber que são para o sempre :)

Beijokas