terça-feira, 28 de abril de 2015

Os 10 britânicos com mais estilo



1o Audrey Hepburn
2o Lady Di
3o David Beckham
4o Kate Middleton
5o Twiggy 
6o HRH rainha Elizabeth I
7o Sean Connery
8o David Bowie
9o Victoria Beckham
10o Kate Moss

Notícia AQUI

Ora bem, sabemos que o mundo não está perdido porque o 1o lugar está muitíssimo bem entregue à eterna Audrey. Sobre os restantes não vou comentar porque a escolha está feita. No entanto, ninguém me convence que não trocaram a ordem aos Davids (em que planeta desconhecido Beckham ficaria à frente do (divino) Bowie?)




domingo, 26 de abril de 2015

Berlin by me #7




Todos os caminhos se cruzam em algum ponto. Todos vão dar a Berlin.
Ao fundo à direita está a Neue Synagoge, a sinagoga mais emblemática da cidade e talvez do país (detalhes AQUI).





quinta-feira, 23 de abril de 2015

Punk and Disorderly - considerações sobre tudo em geral e fauna em particular



Foram 3 dias de punks agrupados num evento no centro festeiro de Berlin (no Leste, claro). Fui ao 3o dia porque os Toy Dolls encerravam o festival. 35 anos de carreira, das poucas bandas punks que "toca mais de 3 acordes" (confirmai AQUI com a benção de Bach) e melodias diferentes para cançonetas diferentes (as outras devem achar que nós não damos conta...).

Um noite de boa disposição seguida de quase 3 minutos de aturada reflexão para concluir o seguinte:

- É engraçado ir a um evento tão específico e ser diferente por ir "normalzinho" no trajar, penteado e quantidade de metal atravessado na chicha;
- Grande revelação + conselho da semana a uma boa percentagem do público presente: o sabão não morde! A sério, até se desfaz quando combinado com água. Isso e detergente nas roupas volta e meia. Ide e espalhai A palavra.
- Pessoas de cristas, a pergunta que se impõe: como é para dormir de costas? (Esta dúvida encanita-me muito antes do festival)

Berlin, um dos redutos punk. Aqui em sintonia de cores

Toy Dolls, o mesmo vocalista de sempre,
mais que muitos bateristas e baixistas.

Nellie the Elephant - cover dos Toy Dolls









sexta-feira, 10 de abril de 2015

Disso de repartir irmamente


Em tendo de dividir, dava sempre a "maior metade" ao mano, porque sim.
Excepto se o caso envolvesse................ mil folhas de canela (de uma padaria em Guimarães que distribuía em Braga aos sábados). Nesse caso, a metade era definida com régua. Sempre.
Coisas da vida.
Passados muitos, muitos anos, se nos vier parar um bolo de canela às mãos, tenho para mim que um de nós iria buscar uma régua, não só porque é tradição mas também para não se dar o caso de ser mal dividido...

Como diz o ditado, quem parte e reparte e não fica com a melhor parte...
ahhh que vontade de trincar um bolinho de canela.................


Não é bem isto mas anda perto


PS: Guimarães teve e continuará a ter os mais e melhores supimpas saborosos e irresistíveis croissants de todo o sempre. Pessoas  do sul que prestais vassalagem a um tal de Careca, atentai no que vos teclo. Como bracarense de gema desafio qualquer um a ir a uma certa pastelaria perto da universidade em Guimarães e não sair de lá a rebolar.

PS2: E porque hoje é dia dos irmãos, informo que o meu é o maior da aldeia. Está ali um moço como manda o figurino, com algumas qualidades raras em homens desta geração e uma fonte de orgulho para a família.






quarta-feira, 8 de abril de 2015

Publicidade enganosa



Folheto turístico oferece um serão num dos palácios mais belos dos Habsburgs em Schönbrunn -  por uma módica quantia é possível um jantar imperial à moda da Sissi seguido de valsas num dos muitos salões.





Até aqui tudo bem. Vamos agora reflectir...
A Imperatriz Sissi (que admiro desde sempre por várias razões) é um dos casos de distúrbios alimentares mais famosos da História (ou não tivesse ela uma cintura de 40cm, mesmo depois de dar 4 príncipes e princesas ao mundo). Assim sendo, se me é proposto um jantar imperial, espero algo à medida do Imperador Franz seu esposo e não da bela senhora. Mas lá está, a popularidade dela justifica o engodo da companhia que explora este nicho de mercado. Só que ninguém poderá queixar quando tiver 2 imperiais ervilhas no prato.





segunda-feira, 6 de abril de 2015

Questionário


Fui ali aos Jardins de Afrodite rapinar um jogo e mudei-lhe as regras para fazer apenas a parte que me apetece. Em querendo ver a versão original, é ir aqui

Regras: não há!

Perguntas:

1- O que te incentivou a ter um blog? 
Era uma sexta-feira 13 em Março de 2009, estava um "criol do baralho" em Berlin e eu lembrei-me de criar um blog aberto ao público. Desde 2005 que blogava para e com amigos (10 anos, senhores!) num registo diferente e decidi arriscar a solo. Poucas pessoas foram informadas disso e a ideia era mesmo o anonimato.

2- Qual a importância do blogue para ti?
Parecendo que não, uma pessoa mostra muito mais do que aquilo que conscientemente decide partilhar. Deste modo, cria-se uma espécie de diário (ahaha quase um mês sem cá vir e chamar-lhe diário... pff) que nos espelha ao longo do tempo. Gosto desta linha temporal que me ajuda a organizar fases da vida.

3- Quem te indicou a ter um blog?
Ver resposta à pergunta 1)

4- Quais são os assuntos do blog?
Parvoice acima de tudo! Parvoice aliada à possibilidade de usar termos regionais, menos conhecidos ou expressões da minha terra. Fora isso, fala-se de mamas e homens com garbo, direitos dos animais, politiquices e de tudo o que não envolva trabalho, o meu, pelo menos. Reina-se com episódios caricatos da vida da autora, pois que, nesse aspecto, é como a Nau Catrineta. Há ainda listas de músicas que me lembram pessoas, retalhos pessoais e conversas imaginárias que teclo sem receio de ser convidada a visitar uma ala psiquiátrica para um check up (como olvidar Joel - o duende imaginário de barretinho verde com quem mantive vários diálogos nestes mesmo tasco há uns anos?). Mais vale rir que chorar e é com sorrisos que expurgo momentos menos fáceis.

5- Como se sentiu ao ler o primeiro comentário?
Surpresa! Estava tão convencida que ninguém lia o blog que só dei por ela 1 semana depois. A Essência (do Roupa Prática) foi a autora do primeiríssimo :) 

6- Quantos comentários tem ao todo no momento?
6867, muitos são meus. Comento pouco em outros blogs porque os leio no metro a caminho de casa e simpatizo pouco com mini-teclados de telefones móveis.

7- Qual a meta deste ano para o teu blog?
Uma maçã por dia nem sabe o bem que lhe fazia (ao blog, claro, que eu sou pessoa de consumir 10 peças de fruta por dia).

8- Até onde deseja chegar com o seu blog?
Até ao 4o andar, pelo menos, mas em havendo sótão também quero.


sexta-feira, 13 de março de 2015

Um ci(r)c(u)lo depois


Sexta-feira, 13 de Março de 2009. Seis anos depois, outra sexta-feira 13 para comemorar o nascimento de um tasco conhecido como Pusinko. Como a parvoice não passa de moda, continuaremos sintonizados neste canal por cabo.   (Até ver)

\m/   \m/












sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Um polvo sobre mim XV



1 -
Volta e meia falo durante o sono;
2 - Sou infiel a 1 só perfume. Tenho um mini harém aromático mas vivo entre 2 preferidos;
3 - Fui à pesca uma vez. Gostei da experiência e ainda mais de não ter apanhado peixe nenhum;
4 - O meu chocolate preferido encontra-se a partir de 80% de cacau;
5 - Adoro sumo (e sorvete) de tangerina;
6 - Só sou mesmo esquisita com vernizes vermelhos (a outra variante de cor é nude e custa menos a encontrar O tal);
7 - Embirro (muito) com portas giratórias;  
8 - Tenho 4 posters de estimação no meu quarto em Berlin: numa parede a Audrey Hepburn, na outra um F14 - Tomcat, um F15 - Eagle e um F16 - Falcon.




terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Postcard to Thessaloniki


"What's up Larry?"

I went back to (our) Amsterdam because of you, the AA crew* and Jazz (Alto, forever Alto).... to Nysiros (oh lovely island) because of you, the sun, grilled octopus and Retsina wine.... Thessaloniki because of you, the sun, grilled octopus and Retsina wine... I happen to like cephalopoda too much (and cold Retsina by the way) but I also like hugs full of old memories and laughs and I get all that every time we meet. 
Once again three days were enough to have a story to (not) tell next time the AA* meets. Until then, a few pics of the Bizantine city kissed by the sun and the sea:

 Under everyone's umbrella 



Dinner for 2

Evil triangle pastries......


The original Frappé coffee 

The best sauce ever served with mussels


Sun & Sea (the SS that matters)

The city walls



They do have good coffee 


One day I will read it I promise




Doc, you know how they say "See you in Berlin!"


* AA refers to our crew in Amsterdam. It does not stand for Alcoholics Anonymous (though there was alcohol involved at times but we turned out OK).



terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Esta e outras 15, aos 70 anos


 Foi há 70 anos que deixou de cheirar a carne cremada em Auschwitz-Birkenau. As outras 15 AQUI 


Como Auschwitz houve outros mas, jamais se esqueca a tortura em massa mais famosa dos tempos modernos. Das limpezas em terreno anexado à mother Russia pouco se fala, mas nao foram menos reais por isso. Infelizmente, continuam a repetir-se atrocidades como estas todos os dias (ou talvez os pretos, Yezidis, pobres e outros perseguidos debaixo do nariz do mundo estejam longe demais?) Que as imagens ajudem a acordar quem vive na Sta. Ignorância de que já acabou.





domingo, 25 de janeiro de 2015

Carnaval de Viena


O M. fez 30 anos e, como tal, cumpri a promessa de ir à sua festa de aniversário (tal como ele veio à minha em 2013).

Dia 1 - Concerto a tender para o turístico mas, sempre balançou o concerto de power metal no início da semana); Jantar: polvo e vinho alentejano num restaurante português (as voltas que eu dou para comer polvo? Muitas, mesmo).



Dia 2 - Passear cidade fora, conversar e, parvamente olvidar da exposição de Velásquez bem ao lado de casa e da qual se havia falado semanas antes (grrrrrrr); Jantar à moda austríaca (30 pessoas normais pedem 30 doses, comem à vontade e sobra sustento para 1 aldeia no Darfur durante 3 semanas... estes nativos comem como bisontes, talvez para fazer caminha para a quantidade de cerveja que se lhes vai goela abaixo...); celebrações noite dentro numa danceteria com péssima música para os meus ouvidos. Salvam-se as conversas e brindes entre gente porreira (pá).

Uma das melhores vistas privadas sobre a cidade, terraço de amigos e um bom tinto


Dia 3 - Um dia estranhamente curto... será ressaca chuva, será  gente, neve foi certamente, e há muito não a via assim. Neve tanta e tão intensa, um salão magnífico como só as velhas capitais possuem para albergar um Baile de Máscaras como deve ser. Um show burlesco, swing e demais oldies, vestidos maravilhosos em damas cheias do glamour de antigamente, cavalheiros bem vestidos como se quer e gosta porque, o que é bom, nunca passa de moda :)


Pleased to meet you
Hope you guess my name


Volver a casa depois do folguedo e arregaçar as mangas que amanhã entra-se em contra-relógio com um sorriso nos lábios.




terça-feira, 20 de janeiro de 2015

A Segunda-feira mais fixe do ano


Pelo menos até aqui:

Enormes SABATON num concerto que abriu ao som de "Final Countdown" (sim essa que estão a pensar), passou por Michael Jackson e terminou em apoteose.
Já falei deles aqui e aqui mas não esperava que fossem tão brutais em palco. E com sentido de humor. E sorrisos felizes e gratos a uma plateia que os mereceu e soube receber. Até à próxima suecos de estimação da Pusinko :D








To Hell and Back - PTSD (stress pós traumático) afecta veteranos de todas as guerras. Esta música conta um desses casos de soldados que regressaram a casa e nunca resgataram a alma dos escombros da 2a Guerra. Letra aqui










domingo, 18 de janeiro de 2015

Ou como diz a canção "Eu não sei que mais posso ser / Um dia Charlie, outro dia lápis azul"





"A edição desta semana da revista Análise Social foi suspensa por conter imagens com grafitis nas ruas de Lisboa contra o Governo, empresários como Ricardo Salgado e até mesmo uma imagem de Angela Merkel. O diretor do Instituto de Ciências Sociais, José Luís Cardoso, tomou a decisão de suspender a revista por acreditar que as imagens eram "chocantes, ofensivas e de gosto duvidoso", noticia o Público."

Ainda em que foi a opinião geral de um só homem que fala por todos os envolvidos.
Ahhh a coerência.

Mais AQUI




terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Se o Natal é todos os dias...






(Rapinadíssimo do FB do Vasco Palmeirim)