segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Ser tia


Estou a habituar-me ao facto de para sempre haver uma pessoa pequenina (para já) que ocupa imenso espaço no coração (o qual, bem sabemos, é como o Universo e se expande sem fim) e ainda agora começou. É a responsabilidade, a emoção e o amor embrulhado em mantinhas.

Pronto, era isto. Agora vou ali averiguar bilhetes para ir apertar as bochechas à minha bonequinha.





sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Momoa de Neve e os dois anões, uma mini-história de encantar


Era uma vez um "deuso" chamado Momoa que tinha 2 guarda-costas. E certo dia foram fotografados....... Fim!

A imagem fala por si (e fala muito bem). Mais detalhes de um moço-da-semana AQUI.










quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Vamos falar da irmã Zuleide? Vai ter de ser...



Sim, eu sei, este blog reabriu com notícias divinas do Brasil e segue firme com mais um fenómeno no mesmo país. Desta feita, temos a irmã Zuleide, personagem digital que me deu gargalhadas por mais de 1h (que não volta atrás mas) da qual não me arrependo muito ter perdido.
Entre muita, muita parvoice há conselhos com material para reflectir a quem precisar.
É esperar que entre olhos adentro de galdérias moças e safadões moços necessitadas de apoio espiritual.
Fica aqui uma selecção aleatória da coisa:

Generalistas:
Lições para todos:  


Mais aqui
(Eu enchi o saco porque vi muitas)

sábado, 7 de janeiro de 2017

Frase do momento #46



"É preciso deixar a vaidade àqueles que não têm outra coisa que os recomende"


Julie D'Aiglemont in A Mulher de Trinta Anos, Honoré de Balzac

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Vamos falar sobre o novo part time de Deus Nosso Senhor? Vai ter de ser...



Ora então, votos de um feliz 2017 a todos vós, residentes das teias de aranha deste blog há muito ligado às máquinas.
Confesso que há já algum tempo cogitava sobre a melhor forma de desenferrujar os portões deste belo jardim de parvoíce quando sou interrompida sobre no novo part time atribuído a Deus Nosso Senhor (DNS daqui em diante) e para o qual duvido que se tenha candidatado.

Passa-se que o Altíssimo acumula desde 2 de Janeiro do ano da graça de 2017 (da Era inaugurada por Seu Filho) funções administrativas no belo município de Guanambi, Baía, Brasil. Saiu um decreto no 2o dia do ano a desfazer pactos e macumbas com outros Deuses que não o DNS e, entregando-Lhe as chaves da cidades ("alô" omnipresente?) e atribui todas as responsabilidades a Deus Pai e Deus Filho no triénio 2017-2020. Aguardo ansiosa a não corrupção e conduta irrepreensível deste mandatário do Senhor.

Amén





Mais detalhes aqui (de notar o Heil Deus na fotografia da notícia)


segunda-feira, 25 de abril de 2016

O mais importante deste dia...


... há 42 anos atrás, foi a Liberdade
... há 29 anos atrás, foi o J.

Não me lembro da nossa mãe grávida. Recordo, no entanto, alguém dizer uns tempos antes "pede um irmaozinho aos teus pais" e eu virei-me para eles e disse isso mesmo. Quanto tempo passou não sei mas, o certo é que o irmãozinho veio. Era um Nenuco que não se podia apertar porque os Nenucos que não são de loja funcionam sem pilhas, não se calam nem possuem nas costas um botao OFF (este não era de loja que eu fui confirmar).
Faz hoje 29 anos que fui ver o piccolino ao Hospital num 2CV cor de laranja acompanhada por um tio.
Ao J. desejo a vida povoada de sorrisos, de mão dada ao Amor e junto que quem lhe quer bem (eu teclo de longe mas é só geografia, de resto, estou sempre com os meus). O meu irmão é um homem confiante, lutador e com uma sensibilidade rara. O facto de ser mesmo giro é só um detalhe catita para as fotos.

Hoje, dia da Liberdade é, também, dia do mano. Vou brindar a ambos (ou amba e ambo? ai a gramática...)

Era uma vez O mano




PS: Fico a ougar esse bolo de aniversário magnífico, do qual falarei um dia destes.<3 p="">



sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Berlin by me #8


Fernsehturm (Torre da televisão) - ex libris de Berlin Oriental concluida em 1969.
Tem uma versão à escala na chocolataria melhor do mundo (esta).
Dá jeito para uma pessoa se orientar porque se vê de muito longe e de ângulos inesperados.
Tem outro impacto quando não está para se abater uma tempestade mas eu gosto do cinzento desta foto.





quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Vai um copo de leite cheio de cálcio para ossos fortes? Vai ter de ser.



AQUI

Cinco minutos que tiram todas as dúvidas (excepto para o ainda Presidente que raramente era acossado por elas).

Desafio qualquer um a ver e contar o que achou.






terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Porque Berlin é minha e tua, David


Para quem quiser ver onde, como e quando Berlin foi casa de Bowie, como é minha e de tantos mais, anónimos ou não. AQUI

Ao músico e actor, carismático e belo que vive além dos anos: boa viagem Major.


 Com décadas de diferença,  o SO36 é o nightclub que mais gosto, 
exactamente por ser muito mais que isso


Estilo

Dois dos maiores... a capella




quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Not May the 4th but...


May the Force be with us! No snooze button! :D




terça-feira, 15 de dezembro de 2015

sábado, 12 de dezembro de 2015

Coca sem glúten




Por hoje é isto.
Adeus. Bom dia.





quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Ah e tal... ela diz que é óperas e metal mas, e o António Zambujo num bar de jazz ao pé de ti?


Bem, o António Zambujo num concerto tão intimista quanto impossível em Portugal, foi maravilhoso. É isto.

Momentos deliciosos cheios de sorrisos e brincadeiras pelo meio. Pela 1a vez em Berlin e com uma sorte do caneco, fiquei a 2000 milímetros dos músicos, mais coisa menos coisa :)
Espero, no entanto, que o Luís Guerreiro não se tenha assustado com o olhar levemente alucinado deveras curioso desta que vos tecla. Nunca tinha estado tão perto de uma guitarra portuguesa! Obrigada por este serão encantador.

E um beijinho à Margarida por se ter lembrado da Manquinha (alcunha que, espero, deixe de fazer sentido em breve. S. Abegildo me ouça! Amén-doim)


Sem zoom :)










domingo, 6 de dezembro de 2015

Um polvo de coisas sobre mim #11 (especial famelga)



1 - Uns avós separaram-se após 49 anos e 3 /4 de casamento. A avó decidiu viajar e levou a neta a tiracolo. Foi a minha primeira viagem de avião.

2 - No 1o abraço que dei ao meu primo depois dele perder o irmão, achei que era ele que o abraçava e não eu. 

3 - O meu tio e a minha tia, divorciados há muitos anos, continuam a celebrar as datas importantes juntos "por causa dos rapazes". Os "rapazes" tinham ambos mais de 30 anos quando ouvi isto.

4 - Essa tia é mais minha do que uns que não vieram por papel, como ela. (É tão fofinha).

5 - A minha madrinha é autora de algumas das mais ternas memórias de criança.

6 - O padre que casou os meus pais é, hoje em dia, também ele, pai e marido feliz.

7 - O meu irmão deu-me uma irmã. A vida dá voltas muito boas :o)