terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Vamos falar sobre o novo part time de Deus Nosso Senhor? Vai ter de ser...



Ora então, votos de um feliz 2017 a todos vós, residentes das teias de aranha deste blog há muito ligado às máquinas.
Confesso que há já algum tempo cogitava sobre a melhor forma de desenferrujar os portões deste belo jardim de parvoíce quando sou interrompida sobre no novo part time atribuído a Deus Nosso Senhor (DNS daqui em diante) e para o qual duvido que se tenha candidatado.

Passa-se que o Altíssimo acumula desde 2 de Janeiro do ano da graça de 2017 (da Era inaugurada por Seu Filho) funções administrativas no belo município de Guanambi, Baía, Brasil. Saiu um decreto no 2o dia do ano a desfazer pactos e macumbas com outros Deuses que não o DNS e, entregando-Lhe as chaves da cidades ("alô" omnipresente?) e atribui todas as responsabilidades a Deus Pai e Deus Filho no triénio 2017-2020. Aguardo ansiosa a não corrupção e conduta irrepreensível deste mandatário do Senhor.

Amén





Mais detalhes aqui (de notar o Heil Deus na fotografia da notícia)


7 comentários:

Moonchild disse...

boa noite e bom ano!!!

AFRODITE disse...


Olááááá :)

Vamos por partes:
1 - que bom ver-te por aqui!
2 - onde vais tu buscar estas pérolas!?
3 - votos de um BOM ANO para Ti, de preferência melhor que o anterior!
4 - fico À espera de mais novidades, aqui ou por outros canais! :)

Beijinhos minha linda...
(^^)

PM disse...

Um simplex religioso e por ajuste directo :P

Pusinko disse...

Moonchild,
Bom Ano!! Já só temos 51 semanas pela frente até nova festa :D


Afrodite,
1- Também estou contente pelo retorno à vida activa nisto dos blogs!
2- Esta pérola foi partilhada por um amigo brasileiro no Facebook e eu optei por reflectir sob esta problemática que só não tem mais graça porque é real e mostra que o nosso país irmão-amigo-primo está a braços com uma crise que ameaça a laicidade do Estado. Em acontecendo num município fundado em 1919 (como o azeite Gallo) com 86320 habitante (in Wikipedia) dá para escrever um post para rir; sabendo que anda gente assim (só com fatos mais caros) a apregoar coisas parecidas em campanha para governar as grandes cidades ou ganhar banquinhos no Senado assusta-me.
3- Novidades pessoais seguem por outros canais, novidades de parvoice, é sintonizar aqui, pois voltámos ao activo.
Beijão e xi-coração


PM,
É um Simplex que tem muita matreirice no meio: "Ah seu Prefeito, que sacanagem roubarem da Tesouraria" - diz um munícipe descontente; "Deus escreve direito por linhas tortas e era preciso mudar os portões de S. Pedro lá em cima. Não blasfeme meu filho, seu dinheiro serviu obra divina".... :)

Ricardo Santos disse...

Brasileirices ! ... que notícia mais estranha !

António Branco disse...

olá Pusinko.
ando fugido há anos... agora é mais FB, quando há tempo.

estive recentemente no Rio de Janeiro, onde a Prefeitura foi ganha por um candidato da Igreja Universal... o Estado do Rio de Janeiro tem quase metade do território português e quase o dobro da população... se aquela gente continua a ganhar terreno, ainda voltamos a ter inquisições e afins...
há para aí um vírus de uma religiosite qualquer que tolda a cabeça a muita gente...

Pusinko disse...

Ricardo Santos,

É estranha mas um exemplo do que se anda a passar naquelas bandas de lá do oceano. Embora caricato, não foge muito da verdade de cidades maiores, como confirma o António Branco no comentários acima. Não sei onde isto vai parar. Extremistas de um lado e outro...


António Branco,

Ora bem vindo de novo! Se não me falha a memória, da última vez que o vi por cá estávamos em meados dos anos 90 e a internet era do tamanho de um ovo :)
Agora a sério, é normal uma pessoa desconectar dos blogs mas às vezes ainda se dá uma voltinha por uns quantos. Eu não me afastei anos mas uns bons meses o que, em idade de gato, é muito tempo.
No que toca às prefeituras com bênção do Sénhôrr Jesuis, com certeza terão uma cadeira vazia para as falcatruas que serão atribuidas Santo Espírito quando houver buscas às mansões desses espalhadores da palavra que não foi dita.... não sei que diga. Arrepiam-me várias notícias de lá. Vamos ver no que isto dá...