segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Ser tia


Estou a habituar-me ao facto de para sempre haver uma pessoa pequenina (para já) que ocupa imenso espaço no coração (o qual, bem sabemos, é como o Universo e se expande sem fim) e ainda agora começou. É a responsabilidade, a emoção e o amor embrulhado em mantinhas.

Pronto, era isto. Agora vou ali averiguar bilhetes para ir apertar as bochechas à minha bonequinha.





5 comentários:

Moonchild disse...

Tia babada...


bom dia Pusinko

beijocas
:P

PM disse...

Sei bem o que isso é e agora é a dobrar, custa-me estar longe por causa delas...Boa viagem ;)

lua perdida disse...

e esse sentimento so tende a aumentar...
boa viagem :)

Nada disse...

Ai temos tia babada está claro =)
Aproveita bem as bochechas da boneca!

Pusinko disse...

Moonchild,

E sou! Tanto!
Beijo grande :)


PM,
Cum catano, tem 1 semana e 2 dias e eu derreto-me sempre que posso com os vídeos e fotos que recebi. Aiii que isto só tende a piorar, é o que eu acho.


Lua Perdida,
Pois é, até porque não vejo por como pode estagnar. Meio metro de pessoa que vai crescer e o amor com ela.

Nada,
Pá, OLÁ outra vez!
Mega babada e ainda a definir o dia (para breve isso é certo) em que lá vou apertar as bochechas da garota.
Beijinhos