quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Irritam-me

pessoas que, em qualquer género de chat, depois de nos despedirmos com abraços, beijinhos, apertos de mão virtuais ou o camandro a 4 que for mais indicado, precisam de mais 20 linhas extras de "*s, jinhos, então fica bem, dorme bem, ahhh e bom trabalho, olha  (diz) amanhã estás online?, não esqueças que fico a torcer por ti" activando mil apitos e sinais sonoros na janela de conversação que já tinha sido desligada.  É nesse momento que me apetecia ter 1 giz e 1 lousa para lhes riscar ao pé do ouvido.
Pronto, era isso. aconteceu-me agorinha mesmo. Alguém de quem gosto e a quem queria bater (muito também). Por condicionantes várias, optei por escrever.

Sem comentários: