sábado, 29 de março de 2014

Ninguém nasce gay ou dá Zeus teclados a quem não tem cérebro


"A homossexualidade não é normal, e não digo que se deve apontar-lhes o dedo ou criticá-los, eu respeito os erros das pessoas, qualquer homossexual se quiser pode voltar a ser normal. É um problema mental sim, como já disse, ninguém nasce gay. Em relação aos animais, não são homossexuais, têm relações com machos mas não fazem uma familia composta por 2 machos em vez de um macho e uma leoa, nao andam 2 machos a criar crias nem nada, supondo que todos sabem que a humanidade evoluiu a partir dos ratos e depois dos macacos, se nós evoluímos de animais, vamos tentar ser iguais a eles em termos de racionalidade ou vamos agir e pensar como seres que já evoluíram e que sabem distinguir melhor o certo do errado?"

Comentário retirado desse (sub)mundo extraordinário que é a internet.

Tinha tanto por onde escarnecer que, a bem da boa acção do dia, vou fazer de conta e pedir a Zeus que ilumine um bocadinho esta pessoa. Amén-doim

8 comentários:

Same Old Guy disse...

Olá!

Posso opinar?

A etiqueta do post diz tudo ;)

Bjo*

Jedi Master Atomic disse...

Errrrr......tenho a certeza que sabes que Zeus é o Deus do trovão, logo se ele "iluminar" alguém, o resultado não vai ser bonito....lol :P

Ricardo Santos disse...

O eterno problema social, o homossexualismo, e a confusão que isso faz às maiorias !

who's yo' mama?! disse...

Gostei de a) o casal perfeito ser um macho e uma leoa; b) saber que evoluímos dos ratos (de outra forma, é certo, como explicar o gosto humano por queijo?!)

E, como diria o Ricardo Araújo Pereira, se querem usar os animais como exemplo, então comecem a comer as próprias fezes, como muitos deles que o fazem.

who's yo' mama?! disse...

Gostei de a) o casal perfeito ser um macho e uma leoa; b) saber que evoluímos dos ratos (de outra forma, é certo, como explicar o gosto humano por queijo?!)

E, como diria o Ricardo Araújo Pereira, se querem usar os animais como exemplo, então comecem a comer as próprias fezes, como muitos deles que o fazem.

Pusinko disse...

Same Old Guy,
Olá! Opine à vontade cá no tasco :)
A etiqueta é adequada sim, mas o comentário foi a uma notícia real entre outros que não achavam ser parvoice... e isso é o mais triste.


Jedi,
Caríssimo, há certas pessoas a quem uma vara de marmeleiro não salva. Já um trovão... :)


Ricardo Santos,
De facto, as miorias muita comichão fazem às maiorias que se pelam de medo sem razão..
PS: O "tal" post está no forno. Esse e outro também dedicado às artes.


Yo Mama,
Eram lágrimas estas gotinhas salgadas que me caiam pela face (angelical, por certo) aquando da leitura de vossos comentários. Alvíssaras! She Lives!
E aqui se prova que ler um só comentário num jornal online nos pode ensinar tanto de biologia, filosofia e retórica. Só tem de ser o comentário certo. De nada :)
(Estou que nem posso. Não dês de frosques a correr depois desta visita. Este blog está a cantar (em surdina, pois é oficial que Pusinko canta como uma máquina de escrever))

rosa ramos disse...

Que a ilumine ou que a elimine???
Santa estupidez....

Pusinko disse...

Rosa Ramos,
Em princípio, o pedido a Zeus-Nosso-Senhor é para que este envie um espírito que ilumine o quadrado comentador a quem o post é dedicado. Acaso de muito trabalho, entao que ZNS se deixe estar descansado e o elimine com 1 das 7 pragas do Egito ou como achar por bem resolver a questao. Qualquer dos verbos serve, embora eu prefira o 1o.