segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Viena, Klimt e flocos de neve


Fui e gostei muito. Viena é muito mais bela do que eu lembrava (2 dias em 2007, entre festas e mau tempo não deixou grandes memórias). Desta vez, deu para tudo: (re)encontros, conversas, jantares, copos, passeios, arquitectura, primeira neve do ano, concerto de Tame Impala e o Belvedere.
Se o palácio por si só é lindo, com as obras que guarda é ainda mais belo. No Belvedere, está Klimt (entre outros, alguns maravilhosos e quase desconhecidos).



 Portrait of Marie Breunig (1894)
Não há foto de reproduza o encanto deste vestido, 
pele e detalhes do Klimt realista. Há outros, mas colei neste, pronto.

 Water Snakes II (1907) 
(Está aqui porque é um poster de estimação cá em casa)

The Kiss (1907-1908) Sobejamente conhecido, só ontem, 
frente a frente, percebi porque é tão apreciado. 
Não sendo a minha onda, confesso que fiquei deliciada ao vê-lo.


Virão valsas, Strauss, Mozart, vestidos de noite e sapatos de Cinderela. Não será a última vez em Viena. Nem a última que falo desta viagem. Do outro lado desta viagem.



2 comentários:

Joana disse...

Em 2002 estive em Viena durante 2 dias. Gostei muito do vi, mas percebi que muito ficou por ver. É sem dúvida uma das cidades onde quero voltar. Mas prefiro o verão para a visitar, pois não sou muito adepta de frio e de neve, embora reconheça que seja romântico.

Beijinhos

AC disse...

Não conheço Viena, mas adorava conhecer. Um dia quem sabe...

Fico à espera do outro lado da viagem...Conta!

Beijinho Pukas