terça-feira, 9 de agosto de 2011

Nota extra sobre comichões e controlo da mente sobre o corpo

Só mesmo porque são conselhos espectaculares para os utentes de serviços de saúde, senão hoje nem vinha mais.

Cheguei há pouco de uma ressonância magnética à espinha.
Quatro anos volvidos já não lembrava do processo em detalhe.

Mil recomendações e botãozinho de emergência caso me desse o badagaio durante os 20 minutos que dura o exame, se sofro de ansiedade, ou claustrofobia, se tenho pacemakers, piercings e tal... não. Nem sofro desses males nem possuo esses artefactos metálicos.

Vai daí, colocam-me os phones xl para eu relaxar e me distrair durante este tempo e lá vou eu tubo adentro.
E pronto, se tinha tudo para ser um momento descontraído, pois que se me comicha o nariz. Um clássico, portanto. E a orelha direita. E escorrega a comichice para o ombro direito. Faz um mortal encarpado e aterra num pé. Um qualquer, já que pouco depois conquistava o dedo grande do outro pé e dava a volta para o joelho.
AAAAAAARRRRRRRRHHHHHHGGGGGGGGGGGGGGGG
Sim, berrar é uma opção válida para quem tem de estar quieto, mas a acústica é capaz de não ser grande fazenda...

Outras actividades bem boas são as que se seguem:
- inspirar e expirar, focando toda a atenção no fenómeno que nos mantém vivinhos e oxigenados;
- contar de 1 a 10 em japonês e tentar inverter a ordem (só nisto se ganham muitos minutos)
- encher as bochechas de ar tipo sapo
- repetir o processo anterior e fazer carantonhas várias ao esvaziar as bochechas
- cantarolar as músicas seleccionadas pelos senhores doutores
- congratular-se com o facto de já ter passado um tempo indeterminado e ainda não termos mexido 1 milímetro 
- ter muita fé para esse tempo indeterminado ser 19 minutos e 56 segundos
- repetir mentalmente vocábulos insultuosos sobre o raio do timing comichoso
- dar voz a esses insultos na língua mãe pois que não havia comichão nenhuma de verdade e era só a mente a reinar conosco.

E agora vou à vida.

9 comentários:

Orquídea Selvagem disse...

Como diria o Shreck na versão portuguesa... Xiça Penico!!
Nunca fiz uma ressonância mas já fiz um TAQ.
A parte da claustrofobia não vivenciei, mas a parte do "ou estás quietinho ou levas no focinho", que é como quem diz, vê lá se queres cá vir repetir o exame outra vez, até correu bemzinho. Só não me lembro o tempo que demorou o exame!

Agora sempre podes dizer: "já passou!"

PS: fiquei curiosa a imaginar qual teria sido a seleção musical que te impingiram :)

Pink POison disse...

Esta é a minha Pukas que tem sempre um "but" em qualquer acto da sua vida...

Lost Soul disse...

é um exame tão fixeeeeeeeeeeeeee....minutos que valem ouro....ninguém incomoda hahahahahaha!

beijo

ps: todos os dias passo por ela(RM) e digo-lhe em pensamento....o que eu dava para estar aí até ao final do dia...dasss....e estes dias então!!!!

Joana disse...

Tens um iminho no meu blog igual ao que a Isis te deu. Foi copiona, mas não consegui deixar-te de fora.

Beijinhos

Daniela Pereira disse...

obrigado as tuas dicas foram-me muito úteis LOL tenho vários episódios de comichão aguda à noite, nem sei porque, de facto estou cheia de comichão agora. :x

Menino dos olhos azuis disse...

AAAAAA-AAAAAAA-AAAAAAAAAAAAAA-AAA-ATCHIMMMMMMM

m, disse...

esta coisa de estar quieto acontece-me em quase tudo . quando vou tirar aquelas fotos tipo-passe para documentos ou assim , as primeiras tres tentativas saem sempre mal porque coço o nariz , começo-me a rir , começo a falar e apareço ma foto de boca aberta .. enfim , um sem número de coisas .

Margarida disse...

LOL!
Também fiz uma, há poucos meses, mas sem direito a fones! Tá mal! Deram-me uns tampões para os ouvidinhos, mas mesmo assim o barulho era infernal, tipo estação espacial a avariar, com as latrinas entupidas...
Meia-hora sem mexer (a coisa era num tendão de Aquiles); não tive comichões (obrigadinha Pai do Céu), mas dores! Livra!
e o técnico a dizer que era psicológico.
Pois..., até acredito, mas que doeu, caracoles! As 'ondas magnéticas' fizeram-se sentir à brava.
Então, boa sorte para os resultados!
:)
(eu? fisioterapia durante meses, que amainou o problema, mas não resolve...)

às 27h no meu blog disse...

só de ler fiquei com comichão ahahah é tramado ter comichão e não puder coçar, ai é mesmo!