quarta-feira, 6 de julho de 2011

Pensamento de uma aranha no tecto


Feno-grego do Egipto importado pela Alemanha e distribuido para a França... é uma salada russa para explicar a origem da E. coli variante má-da-fita.

6 comentários:

Senhor Geninho disse...

Quando surgem assim do nada estas bactérias, vírus e afins fico sempre com a sensação que a proveniência é a de um qualquer laboratório ultrasecreto disfarçado onde cientistas malucos fazem experiências igualmente malucas e nos usam como cobaias! Depois resfastelam-se numa confortável cadeira, com um balde de pipocas no colo, a assistirem aos efeitos da sua criação!

Ana disse...

Quando se começou a falar nisso cheguei a temer que alguém se lembrasse de dizer que a origem era em Portugal. Aí era a estucada final... Felizmente isso não aconteceu. :)

Lost Soul disse...

Um dia destes, ainda vão dizer que é obra de um homem verde que veio (não não estou a falar do Sporting) de Marte...

beijo

who's yo' mama?! disse...

Errado. O Egipto só tem pirâmides, camelos, e pragas de gafanhotos, toda a gente sabe! ;)

E adorei o cenário do Senhor Geninho!

Pusinko disse...

Senhor Geninho: Essas teorias da conspiração... já duvidei mais... mesmo que em moldes um bocadinho menos dramáticos que este descrito no comentário :)

Ana: Ainda estamos a tempo. Há coisa de 3 semanas era na quinta de agricultura saudável e agora pumba, norte de África. Nunca é tarde.

Lost Soul: Hmmmmm se não fizerem, algum argumentista de róliude vai tratar de fazer um homem verde que queria controlar a raça humana, que é salva por um novo herói inesperado que vaia o ginásio regularmente e era um ignorado da sociedade mas se revela o heroi mundial e acaba por ficar com a miuda que antes nem o via. :p

who's yo' Mama?!: Sorry. Só copiei da notícia, nem reparei nesse erro. True. Lá se dvem ter confundico gafanhotos com bichas que causam diarreias hemorrágicas e o camandro. lol


Beijokas a tutti :)

Senhor Geninho disse...

Claro que dramatizei a situação! Mas apenas para chamar a atenção que estes surtos repentinos de qualquer coisa identificada não surgem do nada, nem em qualquer altura! Eu acredito que há sempre interesse financeiro por trás destas situações...