quarta-feira, 29 de junho de 2011

Curiosidades da idade média

Na Idade Média a maioria dos casamentos relizava-se no início do verão. A razão era simples: o primeiro banho do ano era tomado em Maio e então em Junho o cheiro das pessoas ainda se tolerava. Mesmo assim, como alguns odores já começavam a ser incomodativos, as noivas levavam ramos de flores a seu lado nas carruagens para disfarçar os maus cheiros.
Assim nasceu a tradição do ramo de noiva.
Ahhh o belo do ramito que se atira às desprevenidas afinal era para disfarçar a "senaita"  e o sebo acumulado durante um mês sem tirar as côdeas. 
Esta gente tinha um filho por ano na mesma altura porque, no resto do tempo, andavam a conter-se que, lá em baixo, sem lavar, deumelibre.
O Mito do D. Juan cai por terra agora mesmo! Ou só era galã 2 meses por ano ou.... ou... não tinha olfacto (nem nojo ai... cachicha)
O banho era tomado numa banheira gigante cheia de água quente. O chefe da família era o primeiro a tomá-lo, depois os outros homens da casa por ordem de idade, depois as mulheres, também por ordem de idade. Por fim as crianças sendo os bébés os últimos. 
Haviam de ficar bem lavadinhos e sem langonhas nenhumas os piquenos. E as mulheres mais novas. E as mais velhas. Basicamente, a partir do segundo imundo era sempre a descambar.

Quando chegava a vez dos bebés, a água estava tão suja que se podiam perder dentro da banheira
Como? Depois de 30 pessoas que só tomavam banho uma vez por ano a água não estava cristalina? Não posso! A sério que se podia perder bebés em tinas com quilolitros de água cor de (e cheias de) caca?

Se formos a Versalhes, veremos que o palácio, talvez o mais importante de França, não possui casas de banho. 
Pois... ia de alguidar janela fora. Se calhar não se viam tantos turistas. Pois, que ir a passeio e levar com um balde de matérias fecais na mona não deve ser agradável. Por muito real que essa merda possa ser.
Ui e festas sumptuosas ao ar livre patrocinadas pelo rei, cheias de malta da nobreza e churrascos e vinhos e um luxo descomunal...  E eu só consigo pensar nos desgraçadinhos dos jardineiros no dia seguinte...




(Material retirado da internet. Comentários jocosos não)

4 comentários:

Joana disse...

Eu já sabia dessa ordem para tomar banho. Deve ser por isso que antigamente havia tantas mortes infantis.

Beijinhos

Senhor Geninho disse...

Esta conversa já está a cheirar mal... :)

André disse...

Hey! gracias, não sabia o que dizer no casamento da minha irmã...

'Mimi disse...

Ora coisa mais bela :P