domingo, 3 de abril de 2011

Hate Blogs

Onde é que os há? Nunca vi nenhum e ouvi falar recentemente em posts de outros blogosféricos.
A minha curiosidade prende-se com o seguinte: porquê e como é que alguém faz um? Não tenho o menor interesse em me dedicar ao tema, só gostava de ver em que consiste e de que vive um blog que depende de outro. Sim, Domingo de manhã e acordei cedo...

16 comentários:

Joana disse...

Por certo que essas pessoas têm uma vidinha tão má, mas tão má que para não olharem para ela, pois doi-lhes demais, preferem dizer mal dos outros.

Beijinhos

Pusinko disse...

Joana: eu não sei mas, suponho que seja mesmo não ter vida própria e interesse em si mesmo. Só tive uma curiosidade mórbida por ter lido aqui e ali sobre isso nas últimas semanas e nunca ter visto nenhum efectivamente. :)

Beijinhos

pink poison disse...

Essas pessoas não são frontais, não têm vida e para fugirem a isso, falam mal de quem têm inveja.

. Sofia . disse...

http://apipocamaisazeda.blogspot.com/

Este é um deles. No início, ainda achava piada, porque a autora não ofendia ninguém, mas agora acho mais uma palhaçada. :|

Pusinko disse...

Pink: eu sei que não pode ser senão fruto de ressabiamento e não estar bem consigo próprio, mas tive assim uma curiosidade parva por ter lido 4 ou 5 posts em poucas semanas a respeito disso :)

.Sofia.: Pois... blog famoso como o da pipoca mais doce deve ter hate blogs pois... Obrigada. E pronto, satisfeita a curiosidade posso voltar à minha vidinha de sempre. Que pode ser a de sempre mas, acima de tudo é toda minha xD

Beijokas a ambas

Sammael disse...

...é nas pequenas coisas, banais e fúteis, que se vê a personalidade das pessoas...e quando mascaradas ainda mais...pois pensam que ninguém sabe quem é (autora ou autor) e, aí, mostram o que realmente são!!!

bj

bom Domingo

Pusinko disse...

Sammael: Pois é. Eu não sei muito da blogosfera porque restrinjo o tempo que passo online a visitar blogs... e que os há bem bons :) Mas esta modalidade do hate blog nunca tinha calhado. :) Se mostram o que são.. mais valia estarem quietos. :/

Mona Lisa disse...

Olha, eu tenho dois dedicados exclusivamente à minha pessoa...e mais um, apenas parcialmente, pois a autora dedica-se também a árdua tarefa de seguir exaustivamente a vida de mais umas 6 ou 7 bloggers. Para mim, pessoas são movidas por ódios e invejas (sabe-se lá porquê), além de que se sentem realizadas só quando inventam boatos e mentiras sobre outras pessoas. Deve ser uma vida mesmo muito triste e solitária, só pode.
beijinhos

Miguel Bordalo disse...

É realmente estranho. Descobri agora isso. Mas a internet é um mundo - e como um mundo tem de tudo. É continuar a escolher bem. Eu gosto deste!

Sonhadora disse...

Já vi um à uns tempos e fiquei burra como era possível... Mas já não me lembro do link. Eles tratavam mesmo mal os outros blogs!!!

António Branco disse...

quando não se tem o que fazer e não se é propriamente "boa pessoa", diz-se mal dos outros...

EK disse...

Bom blog o teu.

Pusinko disse...

Mona Lisa: 2? Hmmmm há tanta gente sem ter o que fazer? Eu vivitei o que me sugeriu a .Sofia. só para ver como era, já que tinha sido tema em vários blogs e eu nunca vi. Mas bastou ler 3 ou 4 posts pra perguntar o que anda esta malta a fazer da vida. E tenho de concordar contigo, no fundo deve haver muita solidão ali. E isso é triste também.

Miguel Bordalo: Obrigada! Também gosto muito de te visitar no teu blog :)
De resto, tens razão, um mundo tem de tudo. E também é novidade para mim.

Sonhadora: Eu vi hoje e também continuo parva. Enfim. Como disse o Miguel, é escolher bem onde queremos ir.

António Branco: Lá está, ou se está sózinho e é triste manifestar-se assim, como disse a Mona Lisa, ou não se tem bom fundo... qualquer uma das duas é má.

EK: Obrigada :) Pelo menos é meu e não a odiar ninguém que não tenho vida nem vontade :)

Pusinko disse...

Beijinhos a todos!

Anónimo disse...

http://vitia-et-peccata-mea.blogspot.com/

Pusinko disse...

Anónimo/a: Obrigado pelo link.
Acho que, por agora já satisfiz a minha curiosidade. :)
Já tenho uma ideia mais clara do que se trata.