quarta-feira, 23 de março de 2011

"Se fosses uma flor...

...serias uma flor de cacto", disse o homem que me ofereceu as mais belas rosas* de sempre.
Porquê?, perguntei entre curiosa e reticente.
Porque os cactos são resistentes, sobrevivem a condições drásticas, criam raízes/laços profundas/os em busca de água/para se realizarem, picam e deixam marcas quando os queremos apertar, só dão flor uma vez por ano, mas é a mais bela das flores. 
Eu sorri e não disse mais nada.



* estas rosas

10 comentários:

teardrop disse...

Foi uma bela declaração :) Beijinhos

Isis disse...

Excelente declaração de amor :) Bjs

A Minha Essência disse...

Pois, ele disse tudo! E que tudo... ;)

Confesso que rosas não são as minhas flores favoritas mas sim as orquídeas.

Kiss :)

Joana disse...

Não era necessário ;)

Beijinhos

Adelino disse...

Xi.. Tudo a bater palmas!

Pusinko disse...

teardrop: Sim, nunca esqueci as palavras que ele disse naquele dia. Às vezes sabe bem lembrar :)

Isis: Na atura não associei tão claramente. Foi inesperado e emocionante :)

A Minha Essência: Começou por eu dizer que rosas vermelho escuro de toque veludo são as minha preferidas... e daí seguiu isto que aqueceu a alma (e ainda o faz, porque é uma recordação positiva que tem sorrisos agarrados).

Joana: Pois não... escutei. E foi bom assim. :)

Adelino: Oh! Só partilhei palavras bonitas num momento em que me lembrei :)

Pusinko disse...

Beijinhos a tutti

Sammael the Morning Star disse...

flor de cacto -___- está bem visto!


bem, a mim dizem que sou nenúfar!!!


bj

Pusinko disse...

Sammael the Morning Star: Nice :)
E porque dizem nenúfar? Também é uma flor invulgar. Concordas com essa atribuição que te fizeram?

Beijinhos

Sammael the Morning Star disse...

nop...porque só se vê um bocadinho do que a planta é...a maior parte está submersa...